YouTube Twitter Facebook Sound

CUT MT > LISTAR NOTÍCIAS > DESTAQUES > MANIFESTANTES EM MATO GROSSO TAMBÉM ENGROSSARAM O GRITO “ELEIÇÃO SEM LULA É FRAUDE”

Manifestantes em Mato Grosso também engrossaram o grito “Eleição sem Lula é Fraude”

24/01/2018

Em Mato Grosso, também houve protestos 6 municípios com sede da Justiça Federal.

Escrito por: CUT MT

As principais ruas e avenidas de Cuiabá amanheceram, nesta quarta-feira (24.01), com várias faixas em Defesa da Democracia e do Direito de Lula ser Candidato.  E, desde as 6h, dirigentes da Central Única dos Trabalhadores de Mato Grosso (CUT/MT), da CTB, representantes de Sindicatos, dos movimentos sociais e estudantis e lideranças políticas, convocadas pela Frente Brasil Popular de Mato Grosso, reuniram-se em Vigília frente à sede da Justiça Federal de Mato Grosso, em Cuiabá, para acompanhar o julgamento do ex-presidente no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4).

O clima, entre os manifestantes, independente do resultado, era de continuar a luta em defesa do ex-presidente Lula. Nas falas expressavam a indignação da classe trabalhadora contra a ação judicial que tenta injustamente condenar o melhor presidente e o maior líder mundial, que o Brasil já teve. Além das falas dos representantes dos trabalhadores rurais, estudantes e representantes de diversos movimentos sociais, houve muitas músicas puxadas pelo Comitê da Juventude em Defesa da Democracia que manteve o ânimo e as palavras de ordem contra a farsa montada pelo Poder Judiciário.  

Para o presidente da CUT MT, João Luiz Dourado, a vigília expressa à indignação da classe trabalhadora com a criminalização do maior líder político brasileiro, reconhecido mundialmente. “Vivemos mais uma fase do golpe da burguesia. O mundo inteiro está vendo a farsa jurídica e midiática montada para condenar Lula para que não possa concorrer nas eleições em 2018. O golpe não é contra a pessoa de Lula, ou contra o PT. É um golpe contra o movimento social, contra os direitos sociais, contra a classe trabalhadora”, afirmou Dourado, acrescentando não estamos aqui apenas em solidariedade ao presidente Lula, estamos aqui em defesa do povo brasileiro e contra esse governo entreguista do patrimônio público aos interesses do capital internacional.

No final da manifestação, o presidente do Partido dos Trabalhadores (PT), em Mato Grosso, deputado estadual Valdir Barranco (PT), garantiu que a defesa de Lula continuará a todo vapor mesmo que o TRF 4 mantenha a condenação do ex-presidente e que sua candidatura à presidência do país é certa. “Não tenho dúvidas de que Lula será inocentado. Mas, se for preciso sua defesa irá recorrer à duas instâncias superiores, como garante a Lei. Com isso, ele poderá ser candidato. Vamos garantir o direito do maior líder popular deste país ser novamente o presidente vencendo as eleições nas urnas.”

Em Mato Grosso, também houve protestos em defesa de Lula nos municípios de Rondonópolis, Barra do Garças, Sinop, Diamantino, Cáceres, Juína e Tangará da Serra, em frente às sedes da Justiça Federal.

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

TV CUT
João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta solidariedade a sindicalistas coeranos presos.
João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta solidariedade a sindicalistas coeranos presos.

João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta(...)

RÁDIO CUT

CENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES DO MATO GROSSO
Rua São Benedito, 874 | Bairro Areão | CEP 78010-258 | Cuiabá | MT
Fone: (55 65) 3624.9915 | www.cutmt.org.br | e-mail: cutmt@terra.com.br